A Ialorixá e o Pajé. / Autora: OXÓSSI, Stella de.

R$ 59,90
ou 12 x R$ 5,84
. Comprar  
A Ialorixá e o Pajé é um relato verdadeiro sobre belas lembranças que Mãe Stella de Oxóssi viveu quando era uma jovem enfermeira. A história narra um encontro de Mãe Stella com um Pajé, e a troca de conhecimentos sobre plantas, ervas medicinais, raízes, sementes, folhas e rituais entre uma pessoa nascida na cultura afro-brasileira e outra na cultura indígena.


Mãe Stella de Oxóssi, Maria Stella de Azevedo Santos, Odé Kayode (1925-2018), foi a quinta Iyalorixá de um dos terreiros de candomblé mais tradicionais de Bahia, o Ilê Axé Opô Afonjá. Estreou na literatura em 1988, com a publicação do livro 'E daí aconteceu o encanto', em parceria com Cléo Martins. Mãe Stella conta ainda com os volumes ‘Meu tempo é agora’ (1993) uma espécie de livro-manual para a formação de seus filhos-de-santo; ‘Òsósi - O caçador de alegrias’ (2006) uma seleta dos ìtans (narrativas míticas) de Oxóssi, orixá para o qual foi iniciada. Em 2007, lançou ‘Òwe-Provérbios’, uma coletânea de ditos iorubanos e brasileiros acompanhados das interpretações da escritora.
Livro destinado ao público infantil, ‘Epé laiyé - terra viva’ (2009) narra a história de uma árvore que ganha pernas e vai lutar pela construção de um mundo que respeita o meio-ambiente. Em 2012, publicou o volume ‘Opinião’ – uma reunião de crônicas selecionadas entre as que a iyalorixá publicou no jornal soteropolitano ‘A Tarde’. E, em 2014, um conjunto comentado de provérbios oriundos de diversas religiões – do candomblé ao hinduísmo – intitulado ‘Abrindo a arca’, ao todo o volume reúne 89 provérbios – idade de Mãe Stella no período da composição do impresso. Destaque-se ainda, a iniciativa da ‘Animoteca’, um ônibus-biblioteca, espaço de reflexão do Ilê Axé Opô Afonjá que percorre a capital baiana acolhendo leitores de todas as idades.

 
• Prazo para postagem:
Veja também